Equilíbrio Estático Unipodal em Atletas de Judo, Futebol e Não Atletas

Arquivos suplementares

Full article

Palavras-chave

Desportos coletivos
desportos individuais
teste do flamingo
performance
assimetria motora funcional

Resumo

Nas ações desportivas o equilíbrio surge como uma capacidade fundamental no desempenho das mesmas, demonstrando ser a capacidade mais relevante nas ações em judo, e no futebol, devido ao caráter de contacto e necessidade de manter o melhor equilíbrio na execução técnica com maior chance de sucesso. Para a avaliação desta capacidade, surge o teste do flamingo, como ferramenta útil e de fácil aplicação na avaliação do equilíbrio no terreno com pouco equipamento e de forma rápida, sendo amplamente utilizado para esta avaliação em diferentes modalidades. Objetivos: avaliar o equilíbrio estático unipodal e a assimetria motora funcional em atletas de Judo, Futebol e em não praticantes de desporto regular. Métodos: 69 pessoas saudáveis de ambos os géneros entre os 15 e 46 anos divididas entre 3 grupos: praticantes de Judo, de Futebol e não praticantes regulares (Grupo Controlo – GC) ao qual foi aplicado o teste do equilíbrio Flamingo. Resultados: Entre modalidades, existem de diferenças estatisticamente significativas entre o Judo e o GC (p = 0,001), com os atletas de Judo a apresentarem menos quedas, e entre Futebol e GC (p = 0,046). Na comparação entre o número de quedas para pé dominante em relação ao não dominante foram observadas diferenças na modalidade futebol (p = 0,023) com mais quedas para o pé não dominante e também no GC (p = 0,015). Conclusões: A prática de desporto, seja coletivo, como o futebol, ou individual, como o judo, melhoram o equilíbrio, sendo este aspeto relevante para melhoria da aptidão dos atletas.

https://doi.org/10.5281/zenodo.5558935
Creative Commons License

Este trabalho encontra-se publicado com a Licença Internacional Creative Commons Atribuição-CompartilhaIgual 4.0.

Direitos de Autor (c) 2021 Germinare — Revista Científica do Instituto Piaget